Veterinários pedem doações de peixe para pinguins achados na orla do Rio

Maioria das aves foi encontrada na Praia do Recreio dos Bandeirantes.
Ibama ainda vai decidir para onde eles serão encaminhados.

Do G1 RJ

Os veterinários responsáveis pelo tratamento dos mais de 20 pinguins encontrados na segunda-feira (2), na orla do Rio, estão pedindo doações de sardinhas para alimentar os animais. Os peixes podem ser entregues na Patrulha Ambiental, localizada na Reserva Ecológica de Marapendi, no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste, como mostrou o Bom Dia Rio.
A maioria das aves foi encontrada na Praia do Recreio dos Bandeirantes.
Segundo especialistas, os animais são trazidos por uma corrente que passa pela Patagônia e vem parar no Brasil. Pela manhã, dois pinguins fizeram a festa dos banhistas em Ipanema, na Zona Sul. Os animais recolhidos foram levados para um centro de tratamento de uma universidade, em Vargem Pequena. O Ibama ainda vai decidir para onde eles serão encaminhados.
Pinguins na Barra da Tijuca (Foto: Túlio Mello/G1)Na segunda-feira (2), pinguins foram encontrados em Ipanema (Foto: Túlio Mello/G1)

De acordo com o presidente da Sociedade S.O.S Aves e Cia, Paulo Maia, as aves são da espécie Magalhães, da Patagônia. Eles migram e criam colônias em vários locais como África do Sul e Galápagos. A maioria dos animais, segundo Paulo, está debilitada.

No início da tarde, um grupo de golfinhos foi flagrado pelo Globocop próximo ao costão da Niemeyer. Os golfinhos passeavam tranquilamente na orla.
Golfinhos foram vistos perto do Costão na Niemeyer (Foto: Reprodução / TV Globo)Golfinhos foram vistos perto do Costão na Niemeyer (Foto: Reprodução / TV Globo)